1

EUA aprova fusão Monsanto x Bayer

O Departamento de Justiça dos Estados Unidos aprovou a aquisição da Mosanto pela Bayer nessa terça-feira (29.05) após a gigante alemã vender cerca de US$ 9 bilhões em ativos. De acordo com o órgão oficial, essas vendas são as maiores já exigidas para a aprovação de uma fusão de empresas desse setor nos EUA.

O Wall Street Journal já havia afirmado que o Departamento de Justiça, a Monsanto e a Bayer haviam chegado à um acordo no mês passado, após a empresa concordar em vender ativos para a Basf. O acerto envolve a comercialização dos negócios relacionados a sementes como algodão, canola, soja e vegetais, a plataforma de agricultura digital e também a venda de três projetos de pesquisa relacionados a área de herbicidas à base de glifosato.

Segundo o Departamento de Justiça dos EUA, as vendas desses ativos foram necessárias para preservar a concorrência entre as empresas, isso porque sem elas a fusão das companhias significaria um monopólio nas áreas de sementes e defensivos, o que resultaria em menos opções de produtos e preços mais altos. A fusão, que envolve uma transação de mais de US$ 60 bilhões, já havia sido anunciada em setembro de 2016.

A Comissão Europeia já havia aceito a fusão das empresas em março, mediante condições como a comercialização de mais de US$ 7 bilhões em ativos da Bayer para a Basf. Isso resultou na aprovação de mais da metade das quase 30 autoridades responsáveis por regulamentar e avaliar transações em uma série de países como Brasil e a China, por exemplo.

Com a fusão, as duas empresas, juntas, se tornarão os maiores fornecedores mundiais de agroquímicos e sementes para agricultores.

Fonte: Agrolink