Campo Tecnológico Cotrijuc Getagri

A agricultura está em constante evolução e precisa-se estar preparado para acompanhá-la. O produtor rural que participou do evento realizado nos dias 28 de fevereiro e 1º de março, no Campo Experimental, localizado as margens da BR 158, na propriedade do srº Davio Ferrari, já começou o planejamento da sua próxima safra.

As duas tardes de campo têm grande credibilidade no meio agronômico e, por isso, atraiu aproximadamente 500 pessoas, entre associados da Cotrijuc, assistidos da Getagri e representantes de empresas. Mário Bianchi, pesquisador na área de manejo de plantas daninhas, da CCGL TEC, foi o responsável pela apresentação da estação sobre utilização de herbicidas residuais.

As demais estações apresentadas pelos técnicos da Getagri foram: plantabilidade e qualidade de sementes, fertilidade do solo, manejo de palhada, armazenamento e recolhimento de embalagens com o Inpev, além de uma área com 30 cultivares de soja, semeadas em 4 épocas distintas e 20 híbridos de milho plantados no mesmo período.

“O trabalho realizado no Campo Experimental é importante para os produtores, pois é a partir desses estudos que eles vão basear as escolhas para sua lavoura. Assim, eles têm a oportunidade de melhorar suas produtividades, gerando renda para si e, consequentemente, riquezas para toda a cadeia produtiva”, explica o engenheiro agrônomo, Felipe Michelon, coordenador do Campo Tecnológico.

A nova área Experimental da Cotrijuc conta com 30 hectares. Nela foram implantados trabalhos com cultivares, fungicidas, herbicidas, inseticidas, manejo de fertilidade, manejo de rotação de culturas, entre outros, onde se busca novas tecnologias e melhores práticas agrícolas para auxiliar o cooperado na missão de produzir e rentabilizar.

Também, estão sendo realizados trabalhos em conjunto com a Rede Técnica Cooperativa (RTC) que é gerenciada pela equipe de pesquisadores da CCGL e tem como objetivo gerar informações técnicas em conjunto com as cooperativas. A edição deste ano contou com participação de 22 empresas sendo: sementeiras, fornecedoras de fertilizantes e defensivos agrícolas.

Fotos e texto: Ascom Cotrijuc